Pesquisa indica perigo no uso de celular para pedestres



  

A revista Injury Prevention divulgou recentemente o resultado de uma pesquisa interessante para o mundo da tecnologia.

De acordo com o estudo, pessoas que atravessam a rua fazendo uso de aparelhos móveis estão mais distraídas e não conseguem atravessar de forma rápida e segura ruas e cruzamentos.

Ao serem comparados com pessoas que não estavam usando nada nas mãos no momento da travessia, a pesquisa identificou que quem fala ao celular foi três quartos de segundo mais lento para atravessar a rua, aqueles que redigiam textos nos dispositivos móveis demoraram mais dois segundos para realizar a travessia.





Deste modo, a pesquisa mostrou que o uso de aparelhos móveis no trânsito pode ser perigoso não apenas para motoristas, mas também para os pedestres.

Por Ana Camila Neves Morais



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *