Novo Moto G conta com TV digital



  

O Moto G, smartphone da Motorola lançando em 2013, foi o aparelho mais vendido da empresa, segundo a própria Motorola. Para manter o sucesso, o novo Moto G, melhorou o hardware, agora possuiu suporte para dois chips e o recurso de TV digital, este último exclusivo no Brasil

O aparelho não possui funções delirantes, a qualidade está justamente em fazer o que se espera de um smartphone a um preço acessível, quando comparado ao Samsung Grand Duos (que é  vendido por R$ 1.200), tem funções bem semelhantes. O Moto G tira fotos com resolução aceitável, não engasga ao rodar aplicativos e tem uma tela grande e de qualidade. Os únicos contras do aparelho são que não roda 4G e possui um fone de ouvido frágil e de plástico.

A versão mais cara do Moto G custa em média R$ 799 tem 16GB interno e TV digital. E a versão mais barata custa em torno de R$ 699, possui 8GB interno e não tem o recurso de TV digital. 

Com tela 5 polegadas HD, o novo Moto G está no porte dos tops de linha, apesar dos tops já possuírem tela Full HD. A parte de trás, por ser emborrachada, ajuda na aderência do aparelho na mão. Com uma espessura de 11 milímetros, quando está no bolso de trás da calça de um homem não incomoda em nada. Mas, pode desagradar as mulheres, pois cresceu meia polegada, por isso pode ficar desagradável para carregar no bolso de trás da calça feminina.

Com um bom processador quad-core 1,2GHz, o Moto G roda bem os aplicativos populares. Durante os testes, app's como Facebook, Whatsapp, Instagram e Twitter rodaram sem dificuldades. Também não houve problemas em rodar jogos com gráficos mais pesados.

O ponto negativo do Moto G é não possuir uma versão 4G. Ainda não existe previsão para aparelhos que rodem a internet móvel ultraveloz.

O Android é o 4.4 (KitKat), praticamente puro, ou seja, com poucos aplicativos e interface adaptada para a Motorola. Este é um ponto positivo, pois está pronto para receber uma nova versão do Android. Alguns dos recursos adicionados ao novo Moto G, foram "Assist" e "Migração Motorola". O primeiro permite configurar ações inteligentes ao aparelho e a segunda ajuda a transferir dados de smartphones novos e antigos, via Bluetooth para o Moto G.





O recurso TV digital é a grande novidade no novo aparelho, mas para usar o recurso é preciso estar em um lugar com bom sinal, às vezes em lugares fechados, o aparelho começava a exibir imagens, mas depois elas desapareciam. Em lugar aberto, não houve problemas em assistir à TV.

Ao comprar o aparelho, a pessoa tem que ficar atenta, pois o  recurso TV digital consome muita bateria. Em meia hora de viagem em transporte público a bateria caiu em 30%. Para minimizar isso, existe um recurso que ao chegar aos 50% de bateria é exibido um aviso. 

A câmera melhorou em relação ao aparelho anterior, em lugares iluminados e com o aparelho bem estabilizado é possível tirar ótimas fotos. Caso, não esteja estabilizado, as fotos podem sair tremidas e podem começar a granular um pouco.

Por Camilla Batista 

Moto G

Moto G

Fotos: Divulgação



1 comentário em “Novo Moto G conta com TV digital

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *