Google Now on Tap ganha Recurso de Reconhecimento Óptico



  

Novidade permite que usuário possa tirar fotos e receba informações sobre ela.

O Google Now on Tap é um recurso anunciado pela Google em 2015 que ao menos até o momento, ainda não disse a que veio, visto que a funcionalidade conta com poucos recursos para os usuários, embora quando apresentado, o Now on Tap parecia ser algo extremamente interessante. Porém, para tentar mudar um pouco o cenário, o Google Now on Tap agora está recebendo o OCR, que permite o reconhecimento óptico.

Essa novidade faz com que o usuário possa, ao tirar uma foto de uma camisa de um time de futebol, por exemplo, poder obter diversas informações a respeito da camisa, como a fabricante, além de obter outras informações por meio de uma breve pesquisa que o Now On Tap faz. Por enquanto, a novidade está presente apenas para alguns usuários que já contam com o Android 6.0 Marshmallow e deve chegar somente daqui um tempo para todos os usuários.

Porém, vale ressaltar que a novidade não deve funcionar da mesma maneira em todos os smartphones, podendo haver algumas pequenas mudanças no reconhecimento e dados de acordo com o seu dispositivo. A função é extremamente interessante, já que permite também que ao tirar a foto de uma pessoa, por exemplo, o aplicativo possa usar essa foto para localizar a pessoa em questão na WEB, principalmente nas redes sociais.

Além disso, vamos supor que por exemplo você tire uma foto de alguma imagem com texto, com essa função, o Now on Tap é capaz de transcrever o texto diretamente para seu smartphone, podendo você inclusive realizar alterações posteriormente nesse arquivo.





Vale lembrar que apenas o app de Fotos da Google pode ser utilizado para que os usuários possam tirar essas fotos e fazer uso da novidade no Now on Tap, ao menos por enquanto, já que quando o usuário tira fotos em seu smartphone com outros aplicativos, não é possível tirar proveito da novidade.

A novidade, além de extremamente interessante e de mostrar que o Google Now on Tap pode realmente oferecer algo interessante, mostra que futuramente poderemos ter até mesmo mais novidades relacionadas com o reconhecimento óptico ainda mais avançadas.

Por João Trajano



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *