E os consumidores brasileiros poderão contar com o Moto 360 já neste mês de novembro, pois a Motorola já confirmou a venda do smartwatch que chegará às lojas brasileiras no dia 5 de novembro, se não houver atrasos!

O preço sugerido é de R$ 899,00, mas é bom pesquisar bastante, principalmente no dia do lançamento, pois algumas empresas poderão querer vender o Moto 360 por um preço mais caro.

O Moto 360 foi lançado nos Estados Unidos no início do mês de setembro e tem feito grande sucesso por lá, sendo que em várias lojas o produto ficou esgotado rapidamente! O Moto 360 roda o Android Wear e é compatível com diversos smartphones que rodam o sistema operacional Android.

Apesar do Moto 360 estar chegando ao mercado agora, desde março deste ano que a novidade vem sendo anunciada e pessoas do mundo inteiro passaram a esperar ansiosos o lançamento deste aparelho que une os antigos relógios a um software poderoso.

A Motorola classificou o seu lançamento como a "reinvenção do clássico" e também como "uma incrível peça da tecnologia". A empresa ainda anunciou que o Moto 360 chega ao mercado para revolucionar!
Apesar de tantos elogios e um pesado marketing para promover o produto, o Moto 360 não se difere muito de outros lançamentos como o LG G Watch e também o Gear Live. Se for comparado com estes modelos, pode-se até dizer que o Moto 360 é inferior em alguns quesitos.

O Moto G tem muitos problemas que certamente frustrarão o usuário, por exemplo, sua bateria não chega a durar nem 24 horas, ele é muito grosso, o material da pulseira aparenta ser de qualidade inferior, o software apresenta falhas e o pior, não disponibiliza conectividade Wi-Fi e nem NFC! Mas nem tudo está perdido, o Moto 360 tem pontos positivos, entre eles o fato de ser em metal, garantindo maior resistência, o carregamento é feito sem o uso de fio, é resistente à água, conta com sensor de iluminação ambiente, além de sensor de monitoramento cardíaco.

Apesar de ser um lançamento tão aguardado, é bom verificar bem as funções do Moto 360 para ver se você realmente está precisando de um deste.

Moto 360

Moto 360

Fotos: Divulgação


Uma boa notícia para os amantes de tecnologia. Após a explosão dos smartphone, que substituíram os celulares convencionais com inúmeras funcionalidades além de apenas o envio e recebimento de mensagens e ligações, a Motorola anuncia o lançamento, aqui no Brasil, de uma nova linha de relógios inteligentes, que inclui o Moto 360, um dos relógios mais esperados no mercado tecnológico. O produto já foi lançado em alguns países, porém, apenas agora há a previsão de lançamento no Brasil para os próximos dias, confirmou a Motorola.

A empresa confirma que o lançamento do relógio no Brasil terá o valor estipulado em R$ 899,00 para as vendas iniciais. O valor é similar ao valor médio de alguns dos smartphones mais vendidos. Em comparação, o Moto 360 traz novidades e funções que se assemelham aos smartphones.

O Moto 360 está equipado com o sistema operacional Android Wear e está cotado para disputar de frente com relógios inteligentes de outros fabricantes. Um dos motivos da expectativa de competitividade e rápida popularização é o valor acessível informado pela empresa.

O produto possui tela arredondada de 1,56 polegadas, resolução de 340 x 290 pixels, 512MB de memória RAM, 4GB de memória interna e um processador Snapdragon 400 (clock de 1.2GHz) e pesa apenas 49g. Porém, com todas as características positivas citadas, o novo relógio tem uma característica pouco chamativa para quem gosta de produtos com autonomia: para manter todo o sistema em funcionamento o Moto 360 precisa ser carregado diariamente.

Mesmo com a necessidade de carregamento diário, o Moto 360 se mostra uma ferramenta útil para o dia a dia, uma vez que o seu peso e tamanho permitem que o usuário o carregue consigo para qualquer lugar, além de proporcionar funcionalidades específicas dos smartphones. Sendo assim, o seu carregamento diário se torna um detalhe quase irrelevante, uma vez que a média de duração dos aparelhos smartphone também não passa de um a dois dias.

Enquanto não chega, o consumidor pode conferir todos os detalhes do produto pelo site do fabricante: moto360.motorola.com.

Por André César

Moto 360

Moto 360

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: