A Xiaomi, empresa chinesa líder mundial em fabricação de smartphones anunciou o início de suas atividades no Brasil, lançando o Mi Note, um novo phablet que pode concorrer fortemente com alguns aparelhos como Galaxy Note 4 e iPhone 6 Plus.

A fabricante, dirigida pelo brasileiro Hugo Barra, fez nome lançando os melhores dispositivos que é capaz de oferecer, com o menor preço possível. Agora ela oferecerá o Mi Note em duas versões distintas.

A versão mais básica do phablet busca cumprir o objetivo de entregar um dispositivo com preço mais acessível, e custa 2.299 yuan (equivalente a R$ 970 na cotação atual, sem os impostos). Já o Mi Note Pro é a opção para usuários mais avançados, que pode incomodar os tops de linha das empresas concorrentes. Essa versão custa 2.799 yuan (aproximadamente R$ 1.181 na cotação atual, sem os impostos).
Como a diferença de preço é pequena, o posto de melhor custo-benefício é ocupado pela versão Pro. Ele apresenta um hardware superior e ainda apresenta algumas características a mais. O painel frontal tem a tela de 5,7 polegadas com uma curvatura que recebeu o nome de 2,5 D. Já a traseira, tem uma curva maior, chamada de 3D.

O processador é um Snapdragon 810 64-bit octa-core. São 4GB de memória RAM e armazenamento 64 GB. A resolução da tela é 4K (2560×1440).

Ainda falando da versão Pro, a câmera traseira é de 13 megapixels com estabilização óptica e conta com flash com duas cores. Já na câmera frontal são 4 megapixels com pixels de 2 microns. A bateria é de 3.000 mAh.

Já a versão "tradicional" do Mi Note traz especificações mais modestas, porém ainda assim bem interessantes. O processador é um Snapdragon 801 quad-core 2,5 GHz e a memória RAM é de 3 GB. Para o armazenamento interno existe as opções de 16 GB ou 64 GB.

O display de 5,7 polegadas tem resolução Full HD (1080p) e as câmeras traseira e frontal são idênticas às câmeras do "irmão maior", assim como a bateria. Os aparelhos contam com o sistema operacional Android 5.0 Lollipop.

O modelo tradicional chega ao mercado ainda janeiro e o Mi Note Pro será lançado em março. Ainda não há previsão para lançamento oficial no Brasil, mas não deve demorar muito até a marca se pronunciar sobre os produtos que começarão a circular por aqui, e é provável que estes não fiquem de fora.

Por Daniel Cavalcante

Xiaomi Mi Note

Foto: Divulgação


Você já pensou em ter um aparelho que alia as funções de um tablet a um celular? Pensando, nisso a Samsung desenvolveu o Galaxy Note, em que une os benefícios e praticidades de um tablet com a portabilidade de um celular. Mais prático impossível, certo? Assim, você conta com tudo em um mesmo aparelho.

O Galaxy Note é o único touch que tem uma caneta para escrita na tela do próprio aparelho, e permite que você escreva com nitidez e firmeza, como em uma folha de papel. O celular tem aplicativos otimizados em que você vai poder se divertir muito com a caneta S Pen, seja para desenhar, escrever, personalizar vídeos, imagens e inclusive até navegar pelo celular com mais velocidade. Divertido demais, não acha? Já pensou em personalizar as suas fotos e arquivos pessoais com a caneta S Pen do Galaxy Note?

Além de aproveitar todos estes recursos, o Galaxy Note conta com sistema operacional Android 2.3 que tem vários aplicativos para download para você aproveitar. Os recursos incluem vários tipos de jogos, e-books, utilitários e opções online widgets para você se divertir.

Para facilitar a sua vida, o Galaxy Note possui funções exclusivas como o S Planner, S Note e S Choice que são otimizadas para a escrita de forma manual.  Assim, você vai poder escrever na tela do seu aparelho como se fosse em uma folha de papel.

Para navegar rápido no seu Galaxy Note e contar com todos os recursos, ele tem o processador de 1.4 GHZ, que fornece uma excelente velocidade e desempenho para o aparelho. A tela é do tipo Super Amoled HD (1200 X 800) de 5,3” de alto brilho, que é ideal para você navegar na internet, jogar e visualizar os seus vídeos favoritos.

Para registrar todas as festas, o Galaxy Note possui câmera de 8 MP e além disso você vai poder gravar vários vídeos em Full HD. Que tal ter um tablet e um smartphone em um único aparelho? 

Por Babi

Samsung Galaxy Note

Foto: Divulgação


Informações sobre um novo dispositivo produzido pela Samsung já estão começando a surgir em diversos sites especializados no setor. O dispositivo em questão tem sido chamado de “SM-T2558”. Recentemente tanto a imagem do aparelho quanto informações sobre suas especificações foram publicadas na rede por meio do site da TENAA, a autoridade de patentes chinesa. Entretanto, o que mais tem dado o que falar sobre o aparelho é o que realmente ele é. Parece meio difícil achar um consenso já que alguns acham que ele está mais para um tablet enquanto que outros já pensam nele como um smartphone.

As dúvidas surgiram porque o dispositivo tem uma aparência muito semelhante com o de alguns celulares produzidos pela companhia por isso o site BestMobs afirma que se trata de um celular. Por outro lado, de acordo com a opinião do SamMobile, devido ao SM-T2558 ter uma tela de sete polegadas e o T no nome ele seria mesmo um tablet.

Seja qual for o resultado dessa discussão uma coisa é certa: a Samsung gosta mesmo (tanto que se tornou conhecida por isso) de fazer experiência e ver até onde vão os limites em relação ao que pode fazer um tablet ou um smartphone. Isso é tão certo que a empresa foi uma das pioneiras no mercado no setor dos ditos “phabets”, ou seja, telefones com o tamanho de um tablet.

Nesse aspecto a tela do SM-T2558 seria a maior já lançada pela empresa nesse tipo de linha. A título de curiosidade ela estaria bem perto da tela do iPadMini que tem 7,9 polegadas ou dos Galaxies S4 com 5 polegadas ou do Note 3 que conta com 5,7”.

Não importando o que é que o aparelho seja o certo é que ele será comercializado com um processador quad-core de 1,2 GHz (sem especificações ainda), uma câmara traseira de 8MP e uma frontal de 2 MP. De memória RAM o dispositivo terá 1,5 GB e de armazenamento interno 8 GB. Além do suporte para cartão microSD ainda tem o sistema operacional Android 4.3 Jelly Bean (e não o KitKat que é a versão mais nova do sistema).

O resto são apenas dúvidas até porque ainda não se tem conhecimento se a versão apresentada seria a final.

Por Denisson Soares

Samsung SM-T2558

Foto: Divulgação


Durante a realização da Mobile World Congress, a GSMA organizou uma espécie de evento paralelo, o Global Mobile Awards. O objetivo do evento foi eleger os melhores produtos nas mais diferentes categorias no ano. A lista com os dispositivos escolhidos foi divulgada no final do mês passado. Na relação estão presentes os prêmios para a empresa mais inovadora, o smartphone mais barato e o app mais inovador. A melhor parte, porém, fica com a parte que faz a premiação dos melhores tablets e smartphones que estrearam no mercado no ano de 2013.

Nessas duas últimas categorias (que a título de curiosidade são as mais badaladas da premiação) quem conseguiu levar a “medalha de ouro” para a casa foi o HTC One, que angariou o título de melhor smartphone de 2013. Já o iPad Air foi quem levou para casa o título de melhor na categoria dos tablets.

Vale lembrar que já na época em foi lançado, o HTC One já havia caído nas graças dos especialistas, que o consideravam com o melhor smartphone já lançado no mercado atual. No caso do iPad Air, ele nem sequer estava presente durante a realização do evento. Mas o fato não impossibilitou que o mesmo fosse premiado. É claro que a coisa toda não deve ser deixada de lado pela empresa da Maçã, já que por tradição ela adora organizar seus próprios eventos para anunciar seus produtos (e premiações, é claro).

Outras marcas também tiveram seus aparelhos premiados. Entre elas a Nokia (que conquistou o título de melhor smartphone de baixo custo com o Lumia 520) e a LG (que foi eleita como a mais inovadora empresa fabricante de dispositivos do ano).

Se você quiser saber mais informações sobre a lista completa, clique aqui.

Por Denisson Soares





CONTINUE NAVEGANDO: