Aplicativo para saber quantos anos uma pessoa irá viver – MyLongevity



Recentemente pesquisadores americanos da universidade de East Anglia (UEA) criaram um aplicativo que dá a possibilidade ao usuário de calcular o seu tempo de vida.

O aplicativo cujo nome é MyLongevity, sugere o tempo estimado de vida de uma pessoa, baseado em dados de indivíduos acima de 60 anos residentes de cidades européias. Além dos dados de vida de idosos ele faz uma associação com doenças como pressão alta, colesterol alto, tabagismo e artrite reumatóide na determinação da longevidade do individuo.

A localização dos usuários do aplicativo não precisam necessariamente ser a mesma da amostra utilizada para realizar os determinantes, é possível utilizar a ferramenta de qualquer lugar do mundo. A empresa responsável afirma ainda que os resultados devam ser analisados com bastante cautela, se o teste for realizado com pessoas de outras localidades e de usuários mais jovens.



No caso de usuários mais jovens, o sistema se baseia em uma expectativa de vida em torno dos 60 anos, de acordo com as características demográficas e de saúde da localidade. Lembrando que os dados usados na produção do aplicativo são de 2017, ou seja, não foi levado em conta um cenário com uma pandemia mundial, como o novo corona vírus.

O aplicativo que para alguns pode até ser considerado bizarro, vai muito além da curiosidade dos usuários. As pessoas que utilizaram o aplicativo, em sua maioria, alegaram que ele é bastante útil ao realizar planejamentos de longo prazo, como se preparar para aposentadoria. Ele também pode ser uma ferramenta importante para mudança nos hábitos alimentares e no estilo de vida para aqueles que ficaram surpresos ao saber sua expectativa de vida, baseado na maneira em que vivem.

Leia também:  Samsung Galaxy S9 - Novidades, Preço


O resultado que pode ser chocante para alguns,e traz um choque de realidade na maioria das pessoas, permitindo que eles de maneira antecipada possam prolongar o seu tempo estimado de vida. A pesquisadora responsável pelo aplicativo, Elena Kulinskaya afirma que o sistema tem sido bem aceito pelos usuários.

Expectativa de vida geral

Quando lançado o aplicativo era restrito somente ao Reino Unido, hoje você consegue saber os dados pelo app e até mesmo pelo site oficial do projeto: (https://mylongevity.org/calculator), que basicamente possui um questionário que contém informações dividas em blocos demográficos e questões relacionadas à saúde. Hoje a expectativa média mundial é de 72 anos, a expectativa é definida por quanto tempo, aproximadamente os indivíduos de uma população especifica podem viver. No Brasil, esta estimativa é um pouco mais alta, em torno de 75 anos. Pelo aplicativo, toda criança nasce com a possibilidade de viver mais de 80 anos atualmente.

A expectativa de vida é muito relativa, o lugar de nascimento, de crescimento e as condições de vida e moradia podem ser determinantes na expectativa da sua longevidade. Em Andorra, por exemplo, as crianças possuem uma expectativa de vida de 85 anos, já no Lesoto a expectativa é bem reduzida, os indivíduos vivem aproximadamente até os 48 anos. A expectativa de vida de modo geral, é dada imaginando que o individuo nascerá e permanecerá nas mesmas condições demográficas, se o individuo nascer em uma localidade e mudar-se para outro país, por exemplo, o resultado poderá sofrer alterações.

O modo tradicional que a maioria dos países adota no cálculo de expectativa de vida, é bem mais complexo que o aplicativo americano, é considerado principalmente os investimentos realizados em aspectos atribuídos na melhoria de condições de vida humana. Alguns atributos que são considerados são a distribuição de renda, o acesso da população a saúde, educação, lazer, cultura, gênero, saneamento básico e quesitos relacionados a questões sociais como violência e criminalidade.

Leia também:  Sony Xperia i1 - Novo Aparelho Híbrido de Smartphone e Câmera

O aplicativo, acima como o modo tradicional mais completo deverá incluir mais um fator determinante na base dos dados, como a inclusão de uma pandemia mundial que pode mudar trasticamente o cenário em algumas localidades.

Texto de Adriana Silva Souza

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *