Modelo tem previsão de ser lançado em 2019 com diversas características interessantes.

O Sony Xperia XZ4, aparelho celular com previsão de lançamento para 2019, está cercado de expectativas. Embora a marca japonesa mantenha mistério sobre o seu novo aparelho top de linha, algumas informações sobre ele vazaram nesta terça-feira, dia 27/11/2018, no site MySmartPrice.

A tela do aparelho terá 6,5 polegadas e bordas muito discretas, um pouco maiores nas partes inferior e superior. O leitor de digital estará situado em uma lateral do Xperia XZ4, o que já ocorre em outros celulares da marca. As imagens divulgadas mostram ainda que o aparelho contará com um conjunto de três câmeras traseiras e uma quarta câmera na parte frontal. Também há conector USB-C, botão físico para acessar a câmera e disparar fotos. O aparelho segue a tendência de não contar com entrada para fones de ouvido.

Ainda não se sabe a respeito do hardware do aparelho, ficha técnica e configurações. Também não foram divulgadas informações sobre as funcionalidades que o Sony Xperia XZ4 apresentará.

A característica que mais chamou a atenção nas informações obtidas até agora é a proporção do aparelho. Apesar do X do seu nome já anunciar se tratar de um celular grande, poucos esperavam que ele medisse 21:9. Essa proporção supera a de todos os seus concorrentes e sequer há celulares das principais marcas que se aproximam dela. Atualmente, o padrão encontrado tem sido o 18:9 ou, em alguns casos, o 19:9. No início de 2018, a marca chinesa Oukitel lançou no mercado o modelo U18 com essa proporção, 21:9, mas é um caso isolado. O 21:9 é mais utilizado para monitores e na produção de filmes e séries.

Para se ter uma ideia, o Sony Xperia XZ4 terá as medidas 166 mm de altura por 72 mm de largura. A altura é bem superior à do iPhone XS (143 mm), embora a largura dos modelos sejam semelhantes (são 70 mm no Iphone XS). O aumento na altura é um pouco menor em relação ao seu antecessor, o Sony Xperia XZ3, que media 158 x 73 mm.

Essa proporção da tela indica que a Sony está focando no público que usa os celulares para assistir conteúdos em streaming, algo cada vez mais comum desde a popularização da Netflix e de serviços similares. Os conteúdos 21:9, assistidos em telas de 16:9, geram as famosas tarjas pretas nas partes inferiores e superiores da tela. Já no caso contrário, ou seja, assistir um conteúdo filmado em 16:9 em uma tela de 21:9, as tarjas se situarão nas laterais da tela.

É esperado que a Sony anuncie seu Xperia XZ4 no evento Mobile World Congress, que será realizado em fevereiro de 2019, em Barcelona.

Xperia é a linha de smartphones da Sony Mobile, antigamente denominada Sony Ericsson. Enquanto as séries M, E1 e Edual são consideradas as mais simples da marca, os intermediários estão nas séries L, M2, SP, J, P, T e C. A série Z, por sua vez, concentra os smartphones mais avançados da Sony. Atualmente, os aparelhos mais potentes da linha são o Sony Xperia Z5 e o Sony Xperia Z5 Premium, que podem ser encontrados por preços a partir de, respectivamente, R$ 1570,00 e R$ 2.100,00.

Os celulares Xperia começaram a ser lançados em 2008. O primeiro sistema operacional utilizado pela marca foi o Windows Mobile, porém, desde 2010, a Sony tem utilizado versões do Android. O Sony Xperia Z5, por exemplo, utiliza como sistema operacional o Android 7.1.1 Nougat.

A Sony Corporation foi fundada em 1946 como Tokyo Tshushin Kogyo. A empresa atua em áreas diversas da tecnologia, como a produção de televisores, aparelhos de som e videogames, além de atuar como produtora de televisão, cinema e na indústria de música. Ainda que sua entrada no mercado de smartphones tenha sido tardia em relação aos principais nomes dessa indústria, Apple e Samsung, os aparelhos Sony Xperia tem se consolidado junto ao público.

Por Luís Fernando Santos

Sony Xperia XZ4


Rumores apontam que este aparelho conta com um design robusto, equipado com dois displays híbridos, tornando-se, desta maneira, um tipo de celular de 4,6 polegadas e o outro, elaborado em 7,3 polegadas.

Toda estreia de um novo aparelho celular ou smartphone constitui um evento de grande magnitude, porém, quando se trata não apenas de um celular mais incrementado, mas de um aparelho com certo poder de resistência bastante assombroso, este mesmo evento de estreia se torna algo ainda mais interessante do que já é.

Trata-se dos rumores sobre o smartphone dobrável da Samsung, que terá displays de 4,6 e 7,3 polegadas.

Deste modo, muitos especialistas, em diversos sites, estão otimistas. Segundo eles, se tudo correr de acordo com o que apontam os rumores, a companhia Samsung deverá fazer revelar, ao longo de seu próximo evento, o “Samsung Developer Conference” o novo modelo provisoriamente intitulado “Galaxy F”, na cidade de São Francisco, nos Estados Unidos. Entretanto, todas as informações passaram a vazar por diversos meios de comunicação, entre elas, está o que foi divulgado segundo uma recente reportagem publicada no site coreano The Bell, que apresenta este aparelho como um modelo de design robusto, equipado com dois displays híbridos, tornando-se, desta maneira, um tipo de celular de 4,6 polegadas e o outro, elaborado em 7,3 polegadas.

Assim, o mesmo site também transmite a informação de que o novo display, o menor, deve operar com um mínimo de recursos, mesmo com o aparelho dobrado, já que, nesta posição, o display maior estará funcionando no modo chamado “Sleep”.

A parte mais impressionante da novidade é que o ato de dobrar o aparelho não se dará diretamente, porém na maneira “fásica”, ou seja, ele deverá exigir mais de um movimento cuidadoso do usuário. Este mesmo dispositivo estará munido, também, de um tipo de trava, cuja função será impedir que os displays terminem por se chocarem diretamente.

Algumas outras especulações de especialistas, sobre este novo modelo da linha Galaxy, F, da Samsung, tendem a afirmar que o smartphone será um típico aparelho para o público consumidor de nicho, dado que se espera do mesmo um valor comparável ao dos principais Flagships comercializados no mercado, incluindo nessa análise a questão do design mais robusto, contrariando, de certo modo, a tendência de produção ultrafina em outros aparelhos. Outro tipo de questionamento incide sobre a capacidade de processamento e sobre a capacidade de duração de bateria, dado que se trata de um celular munido de duas telas, as quais têm poder de operar simultaneamente, tornando-se um tipo de display estendido ou também separadamente, na forma de displays, que exibirão diferentes conteúdos ao mesmo tempo.

Entretanto, até o presente momento não foram divulgadas mais informações sobre este lançamento, e não há uma previsão sobre a data. O evento intitulado Samsung Developer Conference terá como meta servir de inédita pavimentação de uma nova entrada para a linha Galaxy F, no mercado internacional, por meio de intensa propaganda; ainda assim, sempre há uma versão física que permanece à disposição do público geral, porém, é necessário aguardar a mesma na Consumer Electronics Show, ou CES, em janeiro, marcado para Las Vegas.

Embora seja essa uma intensa corrida comercial com a companhia Huawei, no sentido de se promover o lançamento do que seria o primeiro modelo de smartphone dobrável do planeta, ambas as companhias acabaram ficando para trás na disputa, sendo que a cooperativa chinesa Rouyu Technology já fez estrear e está comercializando o modelo FlexPai, munido de uma tela em 7,8 polegadas e mais um bom processador Qualcomm Snapdragon 8150, o dito sucessor do atual 845.

Vale a pena conferir esta novidade, ainda sem data de comercialização em território nacional.

Por Paulo Henrique dos Santos

Samsung Galaxy F

Samsung Galaxy F


A nova geração do iPad Pro está prestes a aterrissar em solo brasileiro, porém o aparelho será marcado com preços altos em nosso país.

O dispositivo iPad consiste em uma linha de tablets inteiramente projetada, desenvolvida e comercializada pela empresa Apple, o qual opera por meio do sistema operacional de tipo móvel iOS.

Assim, esta nova geração do iPad Pro está prestes a aterrissar em solo brasileiro, porém, o aparelho será marcado com preços altos em nosso país.

É possível iniciar, em ordem crescente, pelo valor de R$ 7.999, com relação à versão dimensionada em 11 polegadas, portanto 4G, em seguida, passar para o valor de R$ 9.599 para o consumidor que optar pela tela produzida em 12,9 polegadas. Qualquer usuário que esteja interessado em adquirir um tipo de tablet que possua capacidade de conexão celular pela parte exterior, será mais prudente evitar o modelo produzido nos Estados Unidos, já que o mesmo não está compatível com uma das frequências instaladas no modelo com 4G, brasileiro.

Esta situação de incompatibilidade foi diagnosticada pela especializada MacMagazine e se trata da mesma situação dos novos iPhones: seja o modelo iPad Pro de 11 polegadas, com A2013, seja a versão de 12,9 polegadas, com A2014, comercializados no interior do mercado americano e que não têm o suporte específico para a chamada banda 28 em LTE, a qual é equivalente à frequência em potência de 700 MHz APT.

Deste modo, e na prática, essa situação particular significa que, pelo menos, será possível acessar o 4G brasileiro por meio de um iPad Pro americano, embora com um tipo de cobertura inferior, apenas nas frequências de tipo 2.100 MHz, na banda 1; em 1.800 MHz, na banda 3 e em 2.600 MHz, na banda 7.

Como se trata de um tipo de frequência menor, o modelo com 4G de 700 MHz está munido de um alcance bem maior, o que pode melhorar a qualidade do sinal, sobretudo nos ambientes fechados ou mais restritos. E ainda mais, em alguns municípios do interior, as diversas operadoras estabeleceram o 4G, porém, somente na frequência de 700 MHz. Nestas cidades o tablet de tipo americano estaria limitado às conexões em 2G e em 3G, junto do Wi-Fi.

Todos os modelos que serão comercializados oficialmente no Brasil serão os seguintes:

A versão A1934, de 11 polegadas e a versão A1895, de 12,9 polegadas. A página oficial da Apple disponibiliza as operadoras TIM e a Vivo como as parceiras, entretanto os tablets operam em todas as redes brasileiras estabelecidas.

Todas as variantes apresentadas estarão nas estantes do mercado europeu, nos seguintes países: na Alemanha; na Bélgica; na Espanha; na França; na Itália; nos Países Baixos; em Portugal; no Reino Unido; na Suécia e na Suíça. Em países como a Austrália, o Chile, o Japão, o México e na Nova Zelândia, todos os iPads Pro serão equipados com conexão de celular, e serão totalmente compatíveis com o modelo em 4G nacional.

Observação importante: todo consumidor que pretende adquirir o novo iPad Pro, saiba que ele é caro em todo o mundo. Não será diferente Brasil, já que as versões munidas de 4G poderão estar disponíveis no valor de R$ 13.999, com relação à versão de 11 polegadas e de R$ 15.599 para a versão em 12,9 polegadas. Mas, na França, onde os padrões são diferentes, esses valores poderão chegar a até 1.899 euros, ou a R$ 8.037, por meio da conversão direta, e desconsiderando o IOF e o necessário ágio cambial que está em todo cartão de crédito e no valor de 2.119 euros ou de R$ 8.968, respectivamente e dentro da mesma conversão. Vale a pena conferir.

Por Paulo Henrique dos Santos

Ppad Pro 2018


Pelas primeiras imagens divulgadas deste novo lançamento, o novo aparelho traz um destaque especial para o seu design. Segundo a avaliação dos especialistas, ele deverá lembrar muito um modelo bastante semelhante, o Oppo R17 Pro.

Mais uma vez, o mercado de tecnologia já está se preparando para mais uma grande novidade, o lançamento do novo One Plus 6T e sempre é natura que muitos rumores sobre o novo aparelho possam surgir, principalmente, entre os sites especializados no assunto.

Considerado como um dos modelos mais avançados dentro de sua categoria, o tão aguardado Plus 6 promete chegar às lojas trazendo algumas novidades, principalmente, em seu novo design.

Com o lançamento previsto para o próximo dia 17 de outubro, o novo modelo já está sendo o centro das atenções no mundo da tecnologia, pois, sabe-se que a cada lançamento de uma nova geração de aparelhos de dispositivos móveis, as expectativas são enormes em relação aos novos avanços planejados.

Segundo as expectativas dos editores de alguns sites tidos como os “vazadores” deste tipo de informação, a nova geração 6T, pelo menos, deverá manter as mesmas novidades de seu modelo mais atual no mercado, o One Plus 6.

Pelas primeiras imagens divulgadas deste novo lançamento, o novo aparelho traz um destaque especial para o seu design. Segundo a avaliação dos especialistas, ele deverá lembrar muito um modelo bastante semelhante, o Oppo R17 Pro.

A nova geração 6T deverá manter os botões laterais para silenciar o aparelho no estilo de slide e a parte traseira deverá ser feita de vidro. Além disso, ele vai trazer o sistema de câmera dupla disposta verticalmente e localizada centralmente na parte posterior, o que já se tornou uma marca registrada desta linha One Plus 6.

Para os usuários que nunca possuíram um aparelho da marca e já estão de olho no novo modelo para substituir o que já possuem, podem ir se acostumando com algumas mudanças que os modelos tradicionais de smartphones do mercado ajudaram a perpetuar ao longo de suas gerações.

A primeira novidade do novo One Plus 6T deverá ser a sua entrada para os fones de ouvido para os usuários que adoram escutar suas músicas e vídeos preferidos. O novo modelo extinguiu tal entrada. Outra novidade é a ausência de um dispositivo de leitura biométrica na parte traseira dos modelos existentes.

Mas calma! Antes que você possa ficar desinteressado pelo novo modelo, saiba que a fabricante resolveu inovar e colocar todos estes dispositivos na parte de baixo da tela central do aparelho.

Além disso, o novo modelo deverá chega ao mercado em um tamanho um pouco maior que o seu irmão atual, o One Plus 6, inclusive com um display de proporções bem maiores (algo em torno de 6,4 polegadas contra os 6,28 da versão mais atual).

Toda esta tecnologia inovadora também poderá ser sentida no corpo do aparelho. O novo smartphone deverá ter uma espessura maior e pode chegar a 8,6 mm perto da zona onde estão localizadas as câmeras da parte traseira. O atual One Plus 6 possui 8,2 mm no total. De acordo com as fontes especializadas, este aumento ocorrerá também em virtude do novo sistema de desbloqueio que foi fixado, desta vez, na parte frontal abaixo da tela.

Apesar de tanta tecnologia, a expectativa é que o novo modelo possa trazer uma bateria com um tempo de carga bem maior. Há quem arrisque que isto possa servir par acalmar os usuários veteranos da marca que estariam furiosos em saber que a empresa aboliu a entrada de fones de ouvido.

Apesar das especulações que já estão ocorrendo no mercado em torno do novo One Plus 6T, é possível que os milhões de usuários possam tirar as suas próprias conclusões sobre o novo modelo. Quem tiver interessado, basta acessar os vídeos publicados em algumas páginas especializadas sobre o assunto.

Por Emmanoel Gomes

One Plus 6T


LG G7 2018 possui câmera dupla com inteligência artificial.

Boa notícia para quem está esperando informações sobre o novo lançamento da LG, que é o G7 2018. Ele é um aparelho totalmente moderno, e seu grande diferencial é sua câmera dupla. Além disso, ele possui muitas funções que deixam qualquer usuário impressionado. Essa aposta da LG vem para ganhar espaço entre os grandes concorrentes que já existem no mercado. Ainda não se sabe a data de lançamento desse aparelho e nem seu valor, porém, o que é certo, é que já existem muitos usuários esperando por ele ansiosamente.

Smartphone com design diferenciado

Outra informação que saiu sobre esse aparelho é que ele tem um design bem diferenciado, que é justamente para seguir o alto padrão de qualidade da marca. O design do novo LG G7 2018 é diferente pois ele tem o corpo mais alongado e seu formato é 19:5. E as cores disponíveis desse smartphone são preto, cinza, azul e rosa.

Smartphone com câmera dupla e inteligência artificial

O grande detalhe desse lançamento é sua câmera dupla que possuí inteligência artificial. Com essa câmera os usuários poderão fazer muitas fotos de ótima qualidade. Além disso, a câmera desse aparelho também vai disponibilizar muitas funções, o que torna esse smartphone ainda mais desejado.

LG G7 2018 possui ótimo processador

Outro ponto positivo desse smartphone é que ele tem ótimo processador que é o SnapDragon. Esse processador ajuda muito no bom desempenho do aparelho e com isso as funções dele se tornar mais rápidas e práticas. O lado positivo desse processador, é que ele é um dos melhores do mercado e ajuda na economia da bateria, o que já vai agradar a maioria dos consumidores que pretendem comprar um aparelho desse.

Tela do LG G7 2018 é grande

Para quem gosta de smartphone com uma tela grande, o LG G7 2018 vai funcionar perfeitamente. Seu display possui 6,1 polegadas, o que já é bem maior que a maioria dos smartphones dessa categoria. A resolução é de QHD+ 3120X1440. Com essa resolução é muito simples ter acesso a diversas funções como: Ver séries, filmes, vídeos, jogar e muito mais. Pois a visibilidade é de alta qualidade e facilita diversas funções que precise da tela do smartphone.

Armazenamento interno grande

O espaço interno do LG G7 2018 é muito grande e tem 64 GB. Com esse espaço fica muito simples manter as informações pessoais salvas no smartphone, sem que isso afete o espaço e desempenho dele. Assim os usuários desse aparelho podem guardar diversas fotos, vídeos, músicas, arquivos e muito mais. Além de ter espaço de sobra para ter diversos jogos e aplicativos no aparelho.

Falando um pouco mais sobre a inteligência artificial da câmera dupla

A câmera dupla desse smartphone é o grande diferencial desse aparelho, como já foi dito acima nesse artigo. A função IA dessa câmera permite que ela capte os objetos na hora de tirar a foto, e além disso, ela consegue reconhecer 19 situações diferentes na hora de fotografar. A câmera consegue se ajustar sozinha para tirar fotos e por isso o resultado delas é profissional.

LG G7 2018 possui bateria de boa duração

A bateria desse smartphone possui 3000 mAh, que é uma ótima duração de bateria. Com ela o usuário pode ficar conectado por muito tempo, sem precisar ficar se preocupando com em carregar o aparelho.

Câmera dianteira de 8 MP

A câmera dianteira desse celular é muito potente e possui 8 megapixels. Com ela é possível fazer diversas selfs com ótima qualidade. Aliás, essa câmera costuma ser usada várias vezes pela maioria dos usuários. E não será diferente com o LG G7 2018.

O lançamento mundial desse aparelho foi no dia 02/05/2018, mas não tem previsão de quando será lançado aqui no Brasil!

Escrito por Cristiane Amaral


Conheça aqui mais detalhes sobre o Xiaomi Mi Mix 2S.

O Mi Mix 2S, novo modelo da empresa Xiaomi e concorrente dos modelos Samsung, o Galaxy S9 e o S9+, foi divulgado e tem início de vendas previsto para o mês de abril desse ano, na China. Aqui no Brasil ainda não se sabe quando as vendas poderão começar a acontecer.

O Mi Mix 2S é o smartphone premium da marca Xiaomi e vem equipado com o Snapdragon 845, o mesmo utilizado nos modelos da Galaxy S9 e S9 Plus da Samsung, de quem é concorrente.

O sistema operacional dele é o Android 8.0 (Oreo), sua interface é a MIUI 9.5 e sua bateria tem capacidade de 3.400 mAh.

O Mi Mix 2S também possui tela de 5,99 polegadas, aspecto 18: 9, resolução Full HD + (2160 pixels X 1080 pixels), desbloqueio facial, leitor de digitais e câmera dupla, além disso o aparelho possui inteligência artificial.

Tanto a câmera frontal como a traseira possuem uma resolução de 12 megapixels e utilizam os recursos da inteligência artificial integrada no Mi Mix 2S, responsável pela capacidade de definir, na hora da foto, as melhores configurações para serem utilizadas de acordo com cada situação ou ambiente.

A empresa oferece a versão que possui memória RAM com 8 GB de memória e 256 GB de armazenamento interno, sendo esse um dos destaques desse lançamento. Além dessa versão, há outras com memória RAM de 6 GB e 64 GB ou 128 GB de armazenamento interno. Essas configurações de memória e armazenamento interno são o que garantem ao celular um bom desempenho nos jogos e em aplicações mais pesadas.

Em relação a sua aparência, as cores disponíveis são o preto e o branco, o design é chamativo e elegante, com as bordas finas. O acabamento da parte traseira do Mi Mix 2S é em cerâmica, o que garante acabamento de qualidade e mais resistência.

O valor do Mi Mix 2S está na faixa de US$ 525,00 até US$ 639,00, o valor varia de acordo com a versão. Em conversão direta, o valor fica em torno de R$ R$ 1.746,00 (valor mínimo) e R$ 2.122,00 (valor máximo).

Veja abaixo a Ficha Técnica do Mi Mix 2S:

  • Sistema Operacional: Android 8 (Oreo)
  • Dimensões: 150.8 mm x 74.9 mm x 8.1 mm
  • Peso: 189 Gramas
  • Sim Card: Tipo Nano
  • ChipSet: Snapdragon 845 Qualcomm MSM8998
  • Processador: 4x 2.8 GHz Kryo 385 + 4x 1.8 GHz Kryo 385
  • GPU: Adreno 630
  • Memória RAM: 6 GB de memória
  • Memória Máxima: 128 GB de memória

Tela:

  • Polegadas: 5,99 polegadas
  • Resolução em pixels: 1080 x 260
  • Densidade de Pixels: 403 ppi
  • Tipo de tela: IPS LCD
  • Cores: 16 Milhões
  • Possui ainda o Touchscreen e Multitouch

Câmera:

  • Megapixel: 12 Mp e 12 Mp
  • Resolução em pixels: 4032 pixels x 3024 pixels
  • Tamanho do Sensor: 1/ 2.55" " + 1/ 2.9" "
  • Opções da câmera: Estabilização Ótica; Autofoco; Foco por Toque; Flash; HDR; Detecção de face; detecção de sorriso e Câmera frontal de 5 megapixels.

Vídeo:

  • Resolução da gravação: 4K (2160p)
  • FPS da Gravação: 30 fps
  • Opções da Câmera Frontal: Modo Selfie; HDR; Detector de Rosto
  • Opções da Câmera: Auto Focagem de Vídeo; Slow Motion (240 fps), estabilização de vídeo.
  • Conectividade: Wi-Fi; USB; Bluetooth; GPS e NFC.
  • Funções presentes no aparelho: Player de música e de vídeo; Browser; Vibração; Viva Voz; Toques; entre outros.
  • Dados: GPRS; EDGE; UMTS; HSDPA; HSUPA; HSPA+; LTE.
  • Velocidade de Upload (Mbps): 200 Mbps
  • Velocidade de Download (Mbps): 1200 Mbps
  • Sensores presentes no modelo: Sensor de Proximidade, Acelerômetro, Bússola, Giroscópio, Barômetro, Leitor de Impressão digital e Mic. de Redução de Ruído

Bateria:

  • Tipo: Litio
  • Ampere da bateria: 3400 mAh


O Android Pay chegou ao Brasil. Saiba como utilizá-lo.

Chegou ao Brasil o Android Pay, que veio para facilitar a vida de quem quer usar o smartphone para fazer pagamentos. E quem tem smartphone sabe muito bem da dificuldade de executar essa função. Mesmo com o Android Pay no Brasil, sua funcionalidade ainda está no início, pois a quantidade de bancos e cartões participantes são poucos.

Banco Neon está ligado ao Android Pay

Quem já quer ficar por dentro das funções do Android Pay ou quer usar o serviço, saiba que existe um banco afiliado ao sistema Android Pay. Então é preciso ter o cartão desse banco para poder usar o Android Pay.

Como cadastrar o cartão Neon ao Android Pay?

Quem quiser usar futuramente o Android Pay, precisa cadastrar o cartão Neon no app do Android Pay.

Veja como baixar o Android Pay

Infelizmente o app da Android Pay não está disponível para download na Play Store. Porém, ele pode ser de outras formas. Depois dessa etapa é só colocar os dados do cartão Neon e vai ficar disponível os termos e condições do Banco.

Depois dessa etapa vai aparecer algumas mensagens como: O banco está verificando seu cartão. Ou “entrando em contato com o banco e “Você é convidado a configurar uma senha para o dispositivo”, caso já tenha feito, ignore essa mensagem.

A próxima etapa é verificar o cartão, é preciso realizar uma cobrança temporária. (Esse processo ainda está dando conflito, e no momento ainda não funcionou).

O que acontece com outras opções de cartões?

Já foram realizados alguns testes com algumas operadoras de catões como o Itaú, Original, intermedim, Bradesco e Nubank, e todos eles deram erro e surgiu a seguinte frase: “Este cartão não pode ser usado com o Android Pay”.

Então a melhor opção para concretizar o uso desse app, é usando o cartão do banco Neon.

Quando será o lançamento do Android Pay no Brasil?

A promessa é que até dezembro esteja funcionando perfeitamente. E os primeiros parceiros desse app serão o Banco Bradesco, Itaú, Banco do Brasil, Porto Seguro e Caixa Econômica. E as bandeiras usadas serão a Visa, Elo e Mastercard.

Veja as exigências do Android Pay para pagamentos em lojas

Quem pretende fazer pagamentos em lojas usando o app, é preciso ter os dispositivos rodando com as seguintes funções: Android 4.4 Kitkat ou maior, com NFC e HCE (Host Card Emulation) e sem root. Não é preciso ter leitor de digitais. Em relação à maquininha vale enfatizar que ela precisa ter suporte a NFC, a boa notícia é que a maioria dos terminais aqui do Brasil já é adaptável.

Quais os benefícios de usar o app Android Pay

Vale lembrar que o uso desse app, vai muito além de uma nova moda ou lançamento. Ele foi criado para facilitar a vida das pessoas, quando se trata de fazer comprar usando o smartphone. Tanta praticidade só tem a melhorar a vida de seus usuários. E esse estilo de compra por smartphone só tende a crescer cada vez mais. A modernidade só tem se expandido a cada dia.

Total segurança ao usar o app Android Pay

Muitas pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre a segurança desse novo app. A boa notícia é que esse app usa o método de geração de tokens (que são códigos), que não vão guardar as informações do seu celular. E é justamente isso que torna o uso do app muito seguro para realizar compras em diversos estabelecimentos.

Opções de serviços que podem ser pagos pelo app Android Pay

Muitos serviços poderão ser pagos por pelo app. Alguns deles são muito usados por milhares de pessoas que é o caso do Uber, cupons de descontos e muito mais.

Se você gosta de modernidade e praticidade baixe o Android Pay e facilite sua vida!

Por Cristiane Amaral

Android Pay


Modelo será lançado em breve no Brasil e conta com uma configuração riquíssima.

Uma empresa que revolucionou o mercado de tecnologia sem sombra de dúvidas foi a Apple. A organização fundada por Steve Jobs, no final dos anos 70, mais precisamente, em 1976, foi pioneira em muitos lançamentos e fez com que outras empresas também desenvolvessem tecnologias mais avanças para que se tivesse uma competição mais equilibrada. Devido a isso, todos os lançamentos da companhia norte-americana atraem atenção da mídia e das pessoas de todo o mundo. Pois, todos sabem que algo fantástico deve surgir. E um dos últimos lançamentos da Apple, foi o iPhone X. Conheça agora um pouco mais sobre esse telefone e o porquê ele está sendo considerado já um dos melhores telefones disponíveis no mercado.

O iPhone é uma linha de celulares lançados pela Apple. O primeiro protótipo foi lançado em 2007 e em mais de uma década já foram disponibilizados no mercado mais de 15 modelos. A cada novo anúncio, o iPhone oferecia ao público mais funções e mais recursos. Pois, com esse produto dá para fazer, praticamente, todas as tarefas do cotidiano de uma pessoa. Desde uma simples ligação, a mandar uma mensagem, registrar algo por meio de vídeos ou fotos e outras tantas coisas. Fazendo com que ele se tornasse uma das famílias de celulares mais admirados e vendidos do mundo.

O iPhone X foi anunciado em setembro de 2017, juntamente com o iPhone 8 e o iPhone 8 Plus.

Falando especificamente do iPhone X, primeiramente, o modelo apresenta uma tela com bordas arredondadas e quase infinita, o que permite ao usuário enxergar muito mais detalhes do conteúdo ali reproduzido. A tela do iPhone X é de 5,8 polegadas. Além disso, o aparelho foi todo revestido com uma proteção especial de vidro. Pois, caso aconteça alguma queda ou ele entre em contato com a água, poeira ou outro elemento as chances dele ser danificado são muito menores. Uma novidade que este modelo apresenta é que o botão home, aquele botão central do menu de todo iPhone foi retirado. Agora qualquer função é ativada através de gestos que o dono do celular faz em frente à tela do aparelho.

A Apple foi uma das pioneiras a desenvolver a função de leitura da digital para que o aparelho fosse destravado pelo seu dono. Agora a empresa norte-americana vai além e apresenta no iPhone X a leitura da face do dono. O que confere uma segurança maior ainda, pois, só o usuário mesmo vai conseguir destravar o celular.

Um dos pontos mais importantes para qualquer pessoa ao comprar um celular novo é a qualidade de sua câmera. O iPhone X apresenta duas câmeras, uma traseira e uma frontal. A traseira é formada por duas câmeras com 12 megapixels e com uma tela de longo alcance. O que te permite fazer fotografias com um lugar mais amplo ou reunindo um maior número de pessoas, por exemplo. Já a frontal apresenta 7 megapixels e com um foco altíssimo. O que confere selfies ainda melhores e mais nítidas. Neste celular também estão presentes mais recursos para edição de fotos. Você vai ter uma câmera em um celular com o mesmo desempenho de uma câmera profissional.

O sistema IOS recebeu algumas mudanças e está ainda melhor e mais rápido. O iPhone X apresenta inicialmente 64 GB de memória. Este número pode ser aumentado para até 256 GB com o uso de um cartão de memória. Assim, como o iPhone 8 e o iPhone 8 Plus, o fone de ouvido do iPhone X não tem fios e nem a sua bateria. Para recarregar o aparelho você o coloca sobre uma base. A Apple anunciou que no Brasil o modelo começa a ser vendido em breve, acredita-se que até o Natal ele já vai estar disponível nas lojas. Segundo a Apple, no Brasil a versão com 64 GB vai custar R$ 6.999,00 e a versão com 256 GB vai sair pelo preço de R$ 7.799,00.

Por Isabela Castro

iPhone X


Veja aqui uma análise detalhada sobre o LG G5 SE, novo smartphone da LG.

O mercado de smartphones no Brasil está cada vez mais aquecido, com novos lançamentos, novas tecnologias e uma grande diversidade de aparelhos de diferentes marcas e preços. Entre as novidades que chegaram há pouco no Brasil está o LG G5 SE, um smartphone topo de linha de ótima qualidade, mas com alguns problemas, que podem ser notados por usuários mais atentos. Conheça agora o G5 SE e suas vantagens e desvantagens em relação aos concorrentes.

Com design único, bateria removível e câmera traseira em duplicidade, o celular é uma das melhores opções do mercado atualmente. O G5 SE possui corpo revestido em alumínio e pouco flexível, oferecendo facilidade ao usuário com sua ergonomia e ao permitir, ainda, que a bateria seja retirada do aparelho.

A tela do smartphone tem 5,3 polegadas e resolução Quad HD, o que agrada aos consumidores mais exigentes, que buscam tela grande e com resolução satisfatória para reprodução de vídeos. O botão de desbloqueio do G5 SE fica na parte central traseira do celular, com sensor de impressões digitais, e traz sobriedade ao design e facilidade ao usuário.

A câmera do aparelho é outro ponto positivo: sua câmera traseira dupla facilita a captura de fotos em retrato e paisagem, de acordo com a necessidade do usuário. Os 16MP de resolução das câmeras captura 75 graus de ângulo e resulta em imagens de excelente qualidade, semelhantes às imagens conquistadas com o Samsung Galaxy S7, que possui as melhores câmeras do segmento. Já a segunda câmera tem 8MP de resolução e captura ângulos de até 135 graus.

O maior problema do LG G5 SE, no entanto, é a configuração do hardware do aparelho, que chegou ao Brasil com configuração mais fraca que aquela vendida em países como Estados Unidos, Coreia do Sul e países da Europa. No Brasil, o processador do smartphone é o Qualcomm Snapdragon 652, com 3GB de memória RAM, contra a versão internacional Snapdragon 820, com 4GB de RAM. Por conta desta diferença, o aparelho da LG acaba ficando atrás de concorrentes mais completos, como o Galaxy S7 Edge.

Além disso, a bateria do G5 SE não é tão durável quanto se gostaria e acaba tendo vida curta caso o usuário utilize muito o aparelho. Enquanto a bateria do G5 SE, em uso, dura 6h30, a bateria do concorrente Galaxy S7 chega a durar 13 horas, o que pode se tornar um diferencial bastante importante para usuários que façam uso frequente do aparelho ao longo do dia e que precisam ter seus smartphones com bateria disponível ao longo do dia.

O preço sugerido do LG G5 SE para o mercado brasileiro é de R$ 3.499, mas é possível encontrar o aparelho por R$ 2.603 em lojas como Magazine Luiza ou por R$ 2.999 no Ponto Frio e no Extra.com. Já seu concorrente Samsung Galaxy S7, por exemplo, é comercializado por R$ 3.245 na Fast Shop e R$ 3.499 no Magazine Luiza.

Mas o LG G5 SE vale a pena?

Para quem procura uma câmera dupla com excelente resolução e bom design, o LG G5 SE vale a pena, ainda mais levando em consideração seu preço frente aos principais concorrentes. Porém, para quem busca desempenho e um hardware potente, o LG G5 SE deixa de ser a melhor opção do mercado.

André Barbirato


Confira aqui as configurações e o preço do novo smartphone da LG no Brasil.

A fabricante sul-coreana LG anunciou o lançamento de seu mais novo smartphone no Brasil, o LG G5 SE. Trata-se de uma versão mais simplificada de seu principal smartphone, o LG G5, lançado no mundo todo recentemente. Apesar de ter configurações inferiores comparado ao G5, o G5 SE será vendido no Brasil por um preço considerado alto para o mercado atual. O smartphone custará R$ 3.499, com o módulo LG CAM Plus gratuito para os primeiros compradores.

As configurações do LG G5 no mercado internacional acompanham um Qualcomm Snapdragon 820 e 4 GB de memória RAM. No Brasil, a versão é consideravelmente menos potente, com um Snapdragon 652 e 3 GB de memória RAM. O Snapdragon 652 conta com oito núcleos, rodando a 1,8 GHz, sendo quatro ARM Cortex A72 e quatro ARM Cortex A53. 

O aparelho chega para concorrer com os principais smartphones topo de linha do mercado, que apresentam especificações similares ou até superiores.

Segundo a LG mencionou no evento de lançamento do G5 SE no Brasil, a substituição do Snapdragon 820 pelo 652 não deve interferir na experiência de uso do smartphone, tendo em vista que ele deverá continuar com processamento rápido como os mais modernos smartphones disponíveis no mercado atual. Além disso, a escolha por um processador mais limitado certamente diminuiu o preço do aparelho, apesar de ainda ser considerado caro.

O grande diferencial da linha G5 são seus módulos que podem ser substituídos sempre que o usuário achar necessário. A LG venderá quatro módulo para seu novo aparelho no Brasil. Trata-se do LG Cam Plus (R$ 649), G5 Hi-Fi Plus (R$ 1.299), Cam 360 (R$ 1.799) e G5 B&O (R$ 1.399). Vale a pena ressaltar que estes não são todos os módulos disponíveis para a linha G5 & Friends.

O LG G5 SE, que roda o Android 6.0 Marshmallow, tem uma tela de 5,3 polegadas, com resolução QuadHD (1440 x 2560 pixels). Ele também conta com duas câmeras de qualidade. A frontal tem 8 megapixels, enquanto a câmera traseira tem 16 megapixels, foca a laser, possui abertura f/1.8 e flash LED. Sua bateria é de 2.800 mAh e ele conta com 32 GB de armazenamento interno, expansível via cartão microSD de até 2 TB.

Por William Nascimento


Smartphone teria design diferente e ganharia botão \”home\” físico e chassi em metal.

A Lenovo decidiu enfim modificar a aparência do Moto X, algo que já era esperado e prometido pela marca que manteve a linha “Moto” com o sufixo “by Lenovo”. Acontece que no fim de 2015, uma imagem do que seria o novo Moto X (a ser lançado em 2016) vazou na internet e não foi levada à sério até a manifestação de Evan Blass em seu Twitter ( @evleaks) – o especialista em vazamentos comentou ainda: “Who woulda thunk it? Turns out this is 100% real”. ( “Quem pensaria isso? Acontece que ele é 100% real.” ).

As renderizações do aparelho voltaram a aparecer, mostrando bordas arredondadas e traseira plana com o logo Motorola e uma câmera protuberante, que lembra muito a usada no Lumia 950 XL. Além disso, é possível ver na imagem pinos dourados, com um suposto plug no centro. Os pinos levantaram a hipótese de o Moto X 2016 utilizar um carregador similar ao Smart Connector da Apple. Outro ponto é o botão “Home” físico – diferente de versões antecessoras da linha, que de acordo com boatos, estaria trazendo a leitura biométrica ao Moto X.

O chassi de metal traz grandes mudanças, mas o que se vê é que o modelo não agradou o antigo público do Moto X, que discute que a Lenovo teria tirado a identidade do celular. Particularmente – como usuário e consumidor – o design também não me agradou, abandonando a traseira arredondada e os Speakers na parte inferior do aparelho. Os usuários ainda dizem sobre um design genérico trazido pelas empresas chinesas, que estão tomando conta desse mercado.

Sobre os componentes do smartphone, ainda sabe-se pouco, é sabido apenas de um SoC Snapdragon 820 e 4 GB de RAM. Numa outra imagem do TechWeb pôde-se ver um cano de refrigeração como o do Xperia Premium. Diz-se que o aparelho rodará com o sistema operacional Android 6.0.1 Marshmallow.

Ainda com as imagens lançadas, é possível observar no visor do celular uma data, remetendo ao dia 24 de Agosto, possível lançamento do aparelho segundo os internautas. Ao contrário disto, o CEO da Lenovo, Yang Yuanqing, durante uma apresentação sobre um lançamento de uma subsidiária da Lenovo, disse que em 9 de Junho seria apresentado o novo Smartphone da linha Moto. É importante lembrar que já em 17 de Maio, a nova geração do Moto G também será apresentada.

Tobias Lobo C.


Empresa não explicou o motivo para a ausência do suporte a nova tecnologia.

A Sony anunciou recentemente após a feira MWC (Mobile World Congress) que iria acabar com a linha de smartphones "Z", antiga família de smartphones tops de linha da fabricante nipônica, para dar espaço a linha de smartphones Xperia "X", anunciada durante a MWC desse ano em Barcelona, na Espanha. Porém, uma nova informação a respeito da nova linha de smartphones da empresa não deve agradar nem um pouco os usuários: Os novos dispositivos não contarão com suporte a tecnologia de carregamento rápido da Qualcomm, o Quick Charge 3.0.

A tecnologia sucessora do Quick Charge 2.0 foi lançada no ano passado, em Setembro, e faz com que seu smartphone seja carregado ainda mais rapidamente do que na versão anterior, o fato é que não apenas a Sony como outras empresas, a exemplo da sul-coreana Samsung com seus novos smartphones S7, vem deixando o Quick Charge 3.0 de fora de seus smartphones, já que ainda nem todos os chipsets possuem suporte a nova tecnologia da Qualcomm.

A empresa não se pronunciou a respeito dos motivos que a levaram a não dar suporte ao Quick Charge 3.0, porém, certamente não foi por falta de compatibilidade com os chipsets dos smartphones, já que tanto o Snapdragon 650 como o Snapdragon 820, os dois chipsets presentes nas versões do Xperia X, possuem suporte a tecnologia. No caso da Samsung, citado anteriormente, o motivo dado foi que o chipset Exynos 889, da própria sul-coreana, não possui compatibilidade com o Quick Charge 3.0, diferente do Snapdragon 820, também usado em seus novos smartphones.

Nesse quesito ao menos o LG G5, da também sul-coreana LG, sai na frente dos novos dispositivos da Samsung e da nipônica Sony, já que o smartphone da empresa irá contar com suporte ao Quick Charge 3.0 da Qualcomm, bem como alguns outros smartphones. A dúvida nesse caso é se o G5 será bem aceito por aqui, já que o dispositivo contará com uma versão bem mais simples para o mercado latino-americano do que para o restante do mundo, o que acabou enervando diversos consumidores que gostariam de contar com o dispositivo com toda sua potência anunciada.

Por João Trajano


Vendas do novo aparelho da Samsung começará no dia 2 de abril e os preços variam de R$ 3.799 a R$ 4.299.

No Brasil, não há como negar que a Samsung é uma das fabricantes que dominam com supremacia não só o mercado, mas também a preferência dos consumidores quando o assunto é smartphones. E a fim de se manter na vanguarda da preferência de vendas no mercado nacional que a Samsung está lançando, no Brasil, os seus novos smartphones topo de linha, aparelhos estes que começarão a ser comercializados pela empresa por aqui a partir do dia 02 de abril.

Mesmo chegando ao Brasil 40 dias após ser lançado no mercado global, os aparelhos S7 e S7 Edge chegaram ao mercado com um preço de aquisição mais em conta se comparado aos seus principais concorrentes da Apple, uma vez que os modelos têm preços sugeridos em R$ 3.799 (para o S7) e R$ 4.299 (para o S7 Edge), enquanto os modelos de ponta da concorrente, os novos iPhones, possuem valores de comercialização que variam entre R$ 3.999 (para o iPhone 6S de 16GB) a R$ 4.899 (para o iPhone 6S Plus de 128 GB).

Aqui no mercado nacional estes novos aparelhos da Samsung serão comercializados nas cores preta, dourada e prata. Para aqueles que necessitam de uma capacidade maior de armazenamento de dados, a notícia que não irá agradar é a de que o produto não será mais disponibilizado na versão com 64 GB, sendo que a versão que terá maior capacidade de armazenamento será a de 32 GB.

A grande novidade que será trazida por estes modelos é a presença da câmera Dual Pixel, que juntamente com uma maior abertura do sensor proporcionou ao aparelho uma sensibilidade à luminosidade 56% maior que a do S6. A câmera frontal do aparelho continua com os mesmos 5 megapixels do S6, contudo a câmera da retaguarda possui uma resolução de 12 MP, valor este que sofreu uma redução se comparado à câmera traseira do S6, que continha 16 MP, todavia convém ressaltar que esta redução de megapixels não serve para mensurar uma pior qualidade de fotografias em relação ao modelo anterior.

A tela deste novos aparelhos ficam ligadas definitivamente, isso graças à nova tecnologia inserida nos displays chamada Always-On, com essa tecnologia a exibição das horas, notificações de mensagens e chamadas, bem como desenhos simples que podem ser utilizados para personalizar o display, são exibidos continuamente, de modo que esta função consome apenas 1% da bateria do aparelho por hora.

Com relação ao design, os modelos ficaram similares aos modelos anteriores, da linha S6, porém, voltaram a ser à prova d’água, sendo que eles podem ficar submersos ao limite máximo de uma profundidade de 1,5m pelo período de 30 minutos.

Por Adriano Oliveira


Aparelho chega ao Brasil custando mais que o iPhone 6S Plus e Galaxy S6 Edge+.

O novo smartphone top de linha da Sony foi anunciado há algum tempo e está se preparando para chegar ao Brasil. O Xperia Z5 Premium é o primeiro aparelho do mundo a entregar ao usuário uma tela com resolução em 4K (ultra-alta-definição), a maior disponível no mercado. Isso significa que o aparelho de 5,5 polegadas tem uma resolução de 2.160 x 3.840 pixels.

Especialista em sensores para câmeras (a empresa fabrica os sensores do iPhone), a Sony entrega uma câmera com incríveis 23 MP na traseira e 5 MP na câmera frontal.

A bateria, em seu modo econômico, pode manter o celular ligado por dois dias, um bom diferencial nos tempos em que autonomia é cada vez mais importante. O Xperia Z5 Premium vem com uma memória RAM de 3G e 32GB de armazenamento interno, este pode ser expandido para até 200GB através de cartão de memória.

O aparelho deve ser também um dos mais caros disponíveis no país. O preço da versão mais simples deve ficar em torno dos R$ 4.699. Enquanto isso, Apple (iPhone 6S Plus) e Samsung (Galaxy S6 Edge+) oferecem seus top de linha por R$ 4,6 mil e R$ 3,9 mil, respectivamente.

Diversas lojas nacionais já começaram a anunciar uma pré-venda dos aparelhos, mas nenhuma grande varegista anunciou uma data para a entrega dos aparelhos. Apesar do preço alto, espera-se uma queda gradativa com o passar dos meses.

Para os amantes da marca, o lançamento pode significar também a chegada de uma nova era na companhia japonesa, uma vez que o Xperia Z5 Premium deve ser o último aparelho da linha Z. A empresa deixará de fabricar mais modelos da linha Z para se dedicar ao novo top de linha, que receberá a sigla X. Dentre os diversos modelos apresentados ao mercado, o de maior destaque é o Xperia X Performance, que deverá concorrer diretamente com o Galaxy S7.

"A linha Xperia Z atingiu o seu ponto culminante – a série Xperia X representa um novo capítulo e evolução da nossa estratégia de produtos", disse a Sony em nota divulgada no mês passado.

Por Fhilipe Pelájjio


Modelos Xperia X, Xperia XA e Xperia X Performance foram anunciados na MWC 2016.

A MWC (Mobile World Congress) 2016 trouxe diversas novidades para o mercado mobile, como já esperado, com as grandes empresas anunciando seus grandes lançamentos para este ano. Entre elas, a Sony, que anunciou a nova linha de smartphones ''Xperia X'', com foco nas câmeras.

No evento, a empresa já apresentou 3 modelos da nova linha, o Xperia X, Xperia XA e o Xperia X Performance, a nova linha de smartphones da empresa já irá contar com as tecnologias de seu novo sensor, como o ''Predictive Hybrid Autofocus'', que será o responsável por focar automaticamente e rapidamente, o foco da câmera do dispositivo quando o usuário for tirar fotos.

Porém, embora o objetivo dos três dispositivos seja o lado fotográfico, uma das novidades que mais chamou a atenção, senão a mais chamativa na nova linha, foi a nova tecnologia da Sony apresentada para fazer com que a bateria dos smartphones durem mais, podendo alcançar até mesmo 2 dias de uso sem a necessidade de recarga, algo excelente para os usuários que clamam por mais autonomia nos dispositivos atuais.

Quanto ao lançamento do dispositivo, a empresa nipônica não estabeleceu uma data de imediato, mas deixou bem claro que os dispositivos não devem demorar para serem lançados, devendo chegar ao mercado já nos próximos meses deste ano, possivelmente, no segundo trimestre do ano.

O design da linha possui algumas diferenças entre si, porém, trata-se de um visual bem agradável aos diferentes gostos dos usuários.

Quanto aos aparelhos em si, o Xperia X, conta com uma tela Full HD de 5 polegadas, 3GB de RAM, chipset da Qualcomm, Snapdragon 650, 32GB para armazenamento interno na versão single-SIM e 64GB para a dual-SIM. O dispositivo ainda conta com uma câmera principal extremamente potente, de 23 megapixels e uma frontal de 13 megapixels, algo raro de se ver nos smartphones de hoje, além de uma bateria que conta com 2620mAh, Android 6.0 Marshmallow e leitor de digitais no botão Home.

O Xperia XA é um modelo simples, contando com uma tela de 5 polegadas HD, 2GB de RAM, chipset da MediaTek, o MT6755, 16GB de armazenamento interno, bateria que conta com 2300mAh, além de uma câmera principal de 13 megapixels, e frontal de 8 megapixels, também com o Android 6.0 Marshmallow.

Já o Xperia X Performance é o modelo mais potente dos três, embora seja bem parecido com o Xperia X em alguns pontos, contando também com uma tela de 5 polegadas Full HD, chipset Snapdragon 820, da Qualcomm, 3GB de memória RAM, 32GB de armazenamento interno na versão single-SIM do aparelho e 64GB na dual-SIM, bateria de 2700mAh, câmera principal de 23 megapixels e frontal de 13 megapixels, leitor de impressões digitais junto do botão home e também com o Android 6.0 Marshmallow.

Por Isis Genari

Sony Xperia X

Foto: Divulgação


Aparelho está mais moderno e estiloso. Principal novidade é a possibilidade de conectar acessórios para melhorar o aparelho.

A LG confirmou os rumores e lançou recentemente o G5, um dos smartphones top de linha mais esperados do ano. Com design moderno e corpo metálico, a marca preservou a possibilidade de remoção da bateria e inovou em funcionalidades que permitem gravação em 360º e também possibilitam a transformação do dispositivo em uma caixa de som.

O G4, antecessor da linha, também possibilitava a remoção da bateria, esta ação, no entanto, era feita através da parte traseira do dispositivo. Agora, no G5, o acessório pode ser retirado pela parte inferior do smartphone. O conceito Magic Slot é bastante explorado e significa o funcionamento em uma espécie de “gaveta”.

Juno Cho, responsável pela divisão mobile da marca, ressaltou que anteriormente os consumidores precisavam optar por conveniência ou design. Com o G5 e seu conceito o modular, ambos os diferenciais podem ser obtidos.

O G5 pode facilmente se transformar em uma câmera digital com desempenho profissional, para tanto, basta que um gadget seja encaixado ao aparelho. Uma das apresentações da empresa foi a LG360Cam, capaz de capturar fotos, imagens e vídeos em 360º, com opção de upload para o Youtube ou Google StreetView. Os acessórios adicionais prometem transformar o celular para atender a outras necessidades de maneira satisfatória.

Outra inovação é a “tela que nunca apaga”, ou seja, a exibição de notificações permanecerá sempre ligada. A empresa usou a justificativa de que usualmente as pessoas “acendem” a telas 150 vezes por dia. É muito válido ressaltar que, segundo a empresa, esta funcionalidade praticamente não irá afetar o desempenho da bateria.

Já no fator potência, o dispositivo chega com tela de 5,3 polegadas, processador Snapdragon 820 quadcore, 4GB de RAM, entrada USB-C (padrão novo), leitor de impressão digital, Câmera frontal de 8MP, Bateria de 2.800 mAh, entre outros.

A previsão de chegada do modelo ao Brasil está prevista apenas para Abril. A empresa não divulgou por qual valor o G5 chegará às lojas, apesar disso, é possível usar seu antecessor como base, o G4 chegou com preço de R$ 2.999,00. 

A cada dia que passa a LG conquista um número maior de consumidores e se aproxima mais dos principais concorrentes, como a Apple e Samsung. A empresa está na constante busca pela equiparação e se continuar nesse caminho, logo alcançará seus objetivos.

Por Beatriz


Modelos K10, k8 e K4 possuem configurações medianas, mas devem desagradar pelo preço.

Não é segredo para ninguém que a grande expectativa em relação a sul-coreana LG é o lançamento do seu novo smartphone high-end, o LG G5, principalmente após o sucesso do G4 no ano passado. Mas enquanto o smartphone não é revelado, a empresa acaba de lançar os novos dispositivos da Linha K no Brasil, o K10, K8 e K4.

Os smartphones tem foco no público jovem, sendo que todos os modelos contam com um bom desempenho de processamento para poder acessar as redes sociais e usar os aplicativos mais populares e básicos. Os aparelhos contam com boa câmera (principalmente para selfies), possuem bordas arredondas para aumentar o conforto ao utilizar o smartphone, entre outros fatores que evidenciam o foco quase que total no público adolescente, que acaba por optar por smartphones com essas características.

O preço dos smartphones, porém, certamente não deve agradar nem um pouco os consumidores, já que os smartphones possuem um hardware extremamente simples, como por exemplo, apenas 1GB de RAM. O K10 chegará ao mercado nacional custando R$ 1.199,00 para o modelo que possui TV e R$ 1.149,00 para o modelo sem a opção de TV.

Enquanto isso, o LG K8 chegará ao mercado nacional por R$ 999,00 e o K4 por R$ 699. Os preços são elevados, principalmente se compararmos com o preço de smartphones de entrada a tempos atrás, o que pode ser justificado pela alta do dólar e a crise vivida pelo país. Vale lembrar que o LG K10 vem com 3 meses de assinatura do EI Plus, graças a uma parceria da LG com o canal esporte Esporte Interativo.

Quanto as especificações, o LG K10 conta com uma tela de 5,3 polegadas HD, 1GB de RAM, 16GB de armazenamento interno, bateria de 2.300 mAh, versões com processador quad-core de 1,2 GHz e 1.3 GHz (3G) e octa-core com 1.8 GHz com 4G. Além de câmera principal de 13 megapixels e frontal de 8 megapixels.

Já o K8 conta com uma tela de 5 polegadas, 1GB de RAM, bateria de 2.045 mAh, 8GB de armazenamento interno, processador quad-core MediaTek MT6735 com 1.3 GHz e placa gráfica Mali T720.  Além de câmera principal de 8 megapixels com flash e frontal de 5 megapixels.

Enquanto isso, o modelo mais simples da Linha K lançada agora no Brasil conta com uma tela de 4,5 polegadas e resolução FWVGA, 1GB de RAM, 8GB de armazenamento interno, câmera principal de 5 megapixels e frontal de 2 megapixels, além de processador  MediaTek MT6735M com 1 GHz e placa gráfica Mali-T720.

Por Isis Genaris


Aparelho deverá ser apresentado no MWC 2016 e contará com melhorias nas câmeras.

Um dos assuntos mais comentados da atualidade é sem sombra de dúvidas o lançamento do novo LG G5, o mais novo smartphone top de linha da LG. É esperado que o aparelho seja lançado oficialmente ainda em 21 de fevereiro de 2016, no MWC 2016, em Barcelona. Dentre os principais destaques da novidade está o novo design, haja vista o corpo todo em metal. O aparelho também conta com câmera traseira dupla e sensor de impressão digital na parte traseira.

Vale ressaltar que a utilização de metal no acabamento do G5 é resultado da forte concorrência que o aparelho terá de enfrentar: Galaxy S6 (Samsung) e iPhone 6S (Apple). Com isso, a LG buscou um design inovador e mais elegante, sendo assim, visando agradar a todos os públicos. Outro detalhe bastante interessante é quanto à nova posição do alto-falante, que ficará ao lado da porta USB. Esse detalhe foi descoberto após o vazamento de fotos do aparelho. Essa mudança tem como objetivo acelerar o carregamento da bateria e a transmissão de dados em relação ao atual top de linha da LG, o G4.

Um dos principais destaques do lançamento da LG é sem sombra de dúvidas a nova câmera digital acompanhada de sensor duplo. Com tais ferramentas, a nova câmera é capaz de garantir novos recursos de foco, além de efeitos tridimensionais e de profundidade, recursos inéditos até o momento. A câmera principal irá contar com nada menos que 16 megapixels, enquanto que as câmeras secundárias e frontais terão 8 megapixels.

Em relação às configurações de hardware, saiba que o LG G5 vem com tudo. Um dos itens mais importantes é o processador Snapdragon 820, que é um dos processadores mais potentes já criados pela Qualcomm. Além disso, o aparelho também conta com: 4 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento interno. As informações em relação a tela ainda são boatos, pois não foram divulgadas informações oficiais. A expectativa é que a nova tela seja um display Quantum IPS de 5,6 polegadas.

Ainda não foram divulgadas informações em relação ao lançamento do aparelho no mercado brasileiro.

Por Bruno Henrique


Versão premium do modelo chama a atenção pelo luxo e chega com diversos acessórios.

Após ter anunciado o novo Mate 8, em novembro do ano passado, 2015, a Huawei anunciou recentemente a versão premium de um de seus smartphones high-end, exclusividade porém, do mercado chinês.

O Mate 8 chama a atenção pelo design elegante mas também pelo seu hardware. Agora, na ''Supreme Edition'', o smartphone deve chamar ainda mais a atenção do mercado, exatamente pela luxuosidade da versão. Quem comprar a edição Supreme, certamente não irá se arrepender, pois o smartphone chega junto de diversos acessórios.

Entre os acessórios, estão presentes o Huawei Watch, capa flip para proteger o Mate 8, carregador turbo e fones de ouvido premium. Outro atrativo bem interessante dessa versão é um relógio inteligente, preto e com alguns detalhes internos em dourado.

Evidentemente, por se tratar de uma versão extremamente luxuosa, o preço é elevado. O dispositivo chega ao mercado chinês custando 6.888 Yuan, moeda chinesa, ou, na conversão para o dólar, US$ 1.047, valor extremamente alto para um smartphone em território norte-americano, onde vale lembrar mais uma vez, não será vendido, o que não impede de vendedores informais importarem o dispositivo.

Na conversão para o real, o valor é correspondente a algo em torno de 4,3 mil reais, ainda desconsiderando os impostos, que nesse caso, seriam ainda mais abusivos, graças aos acessórios que vem com o smartphone.

Porém, se levarmos em conta que o pacote vem com diversos acessórios, entre eles, o Huawei Watch, que custa cerca de US$ 349, podemos considerar o preço cobrado pela versão, até certo ponto justo. A versão única do Mate 8, é vendida por cerca de US$ 690, diferença de US$ 357.

Embora por enquanto a versão seja exclusividade do mercado chinês, ainda existe a possibilidade de, dentro de alguns meses, o pacote ser lançado em outros mercados.

O hardware do Mate 8 Supreme Edition é praticamente o mesmo de sua versão comum. Contando com 6 polegadas Full HD, Chipset Huawei Kirin 950 64 bits, 4GB de RAM, dual-SIM, leitor biométrico, câmera principal de 16 Megapixels e frontal de 8 Megapixels, Android 6.0 Marshmallow e GPU ARM Mali-T880 MP4, considerada fraca para o porte do aparelho.

Por Isis Genari

Huawei Mate 8 Supreme Edition

Foto: Divulgação


Aparelho possui teclado físico e bateria que dura até 27 dias.

Atualmente é cada vez mais difícil encontrarmos celulares inteligentes com teclados físicos. A tendência das telas touchscreen levou as principais fabricantes do mundo a investirem nos teclados virtuais em seus aparelhos. No entanto, a Microsoft não esqueceu dos que gostam da sensação de digitar em teclados físicos e anunciou dois novos aparelhos da linha Nokia. Trata-se do Nokia 230 e do Nokia 230 Dual Sim. Ambos são voltados para países em desenvolvimento, principalmente na Índia e mercados da Ásia e Oriente Médio.

O preço adotado pela Microsoft é bastante atraente e deve conquistar o gosto dos usuários que necessitam de aparelhos básicos para o dia-a-dia. Ambos custarão US$ 55, cerca de R$ 208 na conversão direta, sem impostos.

A estrutura do Nokia 230 também é bastante atraente. Sua carcaça é feita em alumínio, o que ajuda na durabilidade e resistência do aparelho. Visto que é destinado a um público menos exigente, o novo dispositivo da Microsoft possui especificações modestas. Sua tela tem exatas 2,8 polegadas, com uma resolução de 240 x 320 pixels. Há duas câmeras com flash, uma traseira e outra frontal, de 2 megapixels.

Outro fator interessante no Nokia 230 é o fato de possuir aplicativos pré-instalados. Muitos deles são bastante úteis, como o Opera Mini (para navegação na internet), o Bing Search (para buscas online) e o MSN Weather (para previsão do tempo). Além disso, a Gameloft fornecerá um jogo gratuito para os usuários em uma lista que inclui títulos como Midnight Pool 3 e o aclamado Assassin's Creed Brotherhood.

O aparelho pesa 91 gramas e conta com o sistema operacional Nokia Series 30+. Sua bateria de 1.200 mAh e promete durar até 23 horas em conversação ou 27 dias em standby. Ele conta com uma entrada microSD, Bluetooth 3.0 com SLAM e armazenamento expansível até 32 GB via cartão de memória. Ainda não há informações se o Nokia 230 estará disponível no Brasil no próximo ano.

Por William Nascimento


Aparelhos já foram homologados pela ANATEL e surpreendem pela qualidade. Lumia 550 custará cerca de R$ 599, enquanto que o Lumia 950 sairá por volta dos R$ 2.599.

Devido a vários rumores e boatos em relação ao lançamento oficial dos novos dispositivos da Lumia no mercado brasileiro, é esperado que o Lumia 550, bem como o Lumia 950, chegue ao nosso mercado ainda em dezembro. Vale ressaltar que o Lumia 550 e o Lumia 950 XL já foram homologados pela Anatel, sendo assim, os aparelhos devem começar a ser vendidos em breve.

Além dos rumores em relação à chegada dos aparelhos, também podemos destacar a expectativa em relação ao preço sugerido dos produtos. O blog Meu Smartphone destaca que o Lumia 550 deve chegar custando R$ 599, enquanto que o 950 deve ter preço sugerido entre R$ 2.599 e R$ 2.899.

Vale ressaltar que a diferença de preço já era algo esperado, haja vista os propósitos de cada aparelho. O Lumia 550 foi projetado para ser um smartphone com configuração mediana e preço acessível. Em contrapartida, o Lumia 950 é nada menos que um aparelho top de linha.

Outro detalhe bastante interessante é que o alto preço do Lumia 950 pode ser explicado devido ao display Dock que visa o uso do Continuum ou qualquer base para carregamento wireless. Apesar de tal informação, é importante destacar que nada foi informado em relação ao 950 XL, sendo que o aparelho já foi homologado pela Anatel.

O Lumia 550 é um aparelho destinado àqueles que pretendem executar tarefas simples e utilizar ferramentas leves. O mesmo possui como sistema operacional o Windows 10 Mobile. O aparelho é bastante leve, pesa apenas 141,9g. A tela é LCD de 4,7 polegadas. O mesmo conta com grande espaço interno na memória, haja vista os 8 GB de memória, com opção para cartão microSD de até 200 GB, além de memória RAM de 1 GB. O processador é o Qualcomm Snapdragon 210 Quad Core 1100 MHz. A câmera frontal é de 2 MP, enquanto que a traseira dispõe de 5 MP.

o Lumia 950, aparelho top de linha, conta com as seguintes configurações: tela de 5,2 polegadas acompanhada de resolução de 2K; processador Qualcomm Snapdragon com seis núcleos; 3GB de memória RAM; 32GB de memória interna, além de suporte para microSD; câmera traseira de 20 MP e câmera frontal com 5 MP.

Por Bruno Henrique


Modelos são versões americanas do já conhecido Moto X Play.

A grande e renomada fabricante de aparelho eletroportáteis e eletroeletrônicos Motorola fez o anúncio oficial de duas novas opções de smartphones. Estas opções, em princípio, serão destinadas ao mercado norte-americano.

Estas novidades mencionadas tratam-se dos aparelhos batizados com os nomes de DROID Maxx 2 e DROID Turbo 2, os quais nada mais são do que a versão americana do já conhecido Moto X Play. Segundo os dados técnicos divulgados pela fabricante, estes aparelhos possuem hadware de alto desempenho e recursos que podem atrair muitos consumidores mais exigentes, uma vez que estes aparelhos irão dar boas razões para que isto aconteça.

O modelo mais importante para o público brasileiro dentre estes dois é o DROID Turbo 2, o qual tem previsão de lançamento aqui no Brasil para a próxima quinta-feira. Este smartphone conta com uma excelente configuração de hardware e deverá atrair bastante a atenção dos consumidores que estiverem a procura de um aparelho forte e robusto.

No caso destes dois aparelhos, o visual ficou muito similar ao que já era aguardado por muitos, uma vez que eles já estavam sendo observados há algum tempo em toda a linha Moto. Eles irão ofertar aos consumidores carregador USB Type-C e outro análogo ao que já existe no mercado o Moto X Style: equipado com uma câmera traseira de nada mais nada menos que 21 megapixels com maior velocidade de foco e com uma qualidade superior de captura de luz.

O DROID Turbo 2 contará com hardware de ponta e um design bastante atrativo, porém o seu grande destaque não ficará por conta de sua tela que possui um display OLED Ativo (AMOLED) de 5,4 polegadas, nem pouco pela sua resolução Quad HD. O atrativo deste aparelho será a resistência que foi conseguida por meio da tecnologia denominada Shatter-Shield, a qual promete que a tela deste telefone terá resistência profunda aos impactos, sendo que a fabricante fornecerá aos consumidores uma garantia de quatro anos contra quebras.

Por Adriano Oliveira

Motorola Droid Maxx 2

Motorola Droid Turbo 2

Fotos: Divulgação


A Samsung já aparentou que deseja investir de forma intensa no modelo de dispositivos topos de linha, como o Galaxy Alpha. Outro detalhe que mostra como é verdadeiro esta aposta da empresa é o fato de ser possível que sejam anunciados mais três smartphones para esta linha, que são o Galaxy A3, o Galaxy A5 e o Galaxy A7.

Os aparelhos deste ramo possuem características com peças finas e de grande valor para a fabricação. Galaxy Alpha possui uma carcaça com componente de uma peça metálica no lugar do plástico padrão que forma a maior parte dos dispositivos da empresa.

O modelo Galaxy A3 poderá ter seu valor na faixa de R$ 350 a R$ 400. O Galaxy A5, por sua vez, será recebido nas lojas peço preço de R$ 1.699, entretanto, ele terá detalhes que o farão alcançar um patamar mais nobre.

Embora não tenha mais argumentos, pode-se dizer que o modelo Galaxy A7 será o dispositivo com funcionalidades mais qualificadas, comparando-se os três aparelhos da empresa sul-coreana.

De acordo com o site SamMobile, o modelo Galaxy A7 poderá ser divulgado somente em países determinados. As notícias restritas não identificaram se o dispositivo possuirá uma tela Full HD (1920 x 1080 pixels) com 5,5 polegadas.

A Corning divulgou na última terça-feira (9) que o aparelho pioneiro nas lojas a possuir um display com a tecnologia Gorilla Glass 4 está presente para ser adquirido em alguns locais do mundo, onde pode-se citar o Brasil. Fabricado pela Samsung, o modelo Galaxy Alpha possui um vidro hiper-resistente com apenas 0,4 milímetros de espessura, que o livra de danos caso ele caia acidentalmente ou tenha arranhões.

Atualmente, a tecnologia Gorilla Glass é a linha da categoria mais utilizada por desenvolvedores em todas as partes do mundo.

Por Felipe Couto de Oliveira

Foto: divulgação


Apple confirmou o lançamento dos novos iPad Mini 3 e iPad Air 2 no Brasil, à tempo para as compras de Natal. Duas semanas após a homologação dos dispositivos pela Anatel, a Apple anunciou em uma nota, na última sexta (28), o lançamento “nas próximas semanas”, sem uma data confirmada. Tampouco os preços foram anunciados pela empresa da maçã.

Um dos diferenciais do iPad Mini 3 e do iPad Air 2 é a presença do leitor de digitais Touch ID, tecnologia usada apenas nos iPhones, além do processador A8 de 64 bits que confere mais poder ao gadget.

Ainda não podemos saber o preço oficial dos aparelhos no Brasil. Nos Estados Unidos, o valor varia entre US$ 499 (R$ 1.285,00 na cotação sem os impostos) e US$ 729 (R$ 1.877,00 na cotação sem os impostos). Essa variação é de acordo com o tamanho da memória interna e opções de conexão.

Vazam detalhes do iPad Air Plus

Ouvimos bastante rumor recentemente sobre a suposta produção de um iPad Air Plus. Agora, existem indícios de que realmente a Apple está se preparando para esse lançamento, supostamente no segundo trimestre de 2015.

Dessa vez, o vazamento veio através da revista japonesa MacFan. Um documento mostra especificações mais detalhadas do iPad Air Plus e algumas imagens. Ele foi mostrado com as dimensões de 305,31 mm de comprimento, 220,8 mm de largura , 7mm de espessura e um display de 12,2 polegadas, como os rumores já haviam mencionado.

O processador seria um A9 e o dispositivo contaria com 4 alto-falantes para oferecer som estéreo.

A revista MacFan também mencionou um futuro anúncio da Apple sobre o iPad Mini 4 em 2015, munido de um processador A8X. O novo tablet seria ainda mais fino que o Air Pad 2 e, com o lançamento, os modelos iPad Mini e iPad Mini 3 seriam descontinuados.

Por Daniel Cavalcante

Foto: divulgação


Lançados no início de setembro, o iPhone 6 e o 6 Plus já estão disponíveis em diversos países. No entanto, a chagada ao Brasil ainda é uma incógnita. Ambos os modelos já foram homologados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Por isso, vários rumores envolvendo a data de lançamento do aparelho no Brasil começam a surgir.  

De acordo com fontes do site Blog do iPhone, o dia 14 de novembro é a data mais provável para o lançamento do aparelho e território nacional. Conforme o site afirma, a Apple estaria ajudando no treinamento de funcionários das principais lojas de varejo do país, como a Fast Shop.  

Além das vendas convencionais nas lojas de varejo, é possível que a Apple promova uma pré-venda dos smartphones em seu site. Dessa forma os interessados poderiam garantir, com antecedência, sua versão sem a necessidade de esperarem por longas horas nas filas e ainda não terem seus aparelhos garantidos. Com a Apple Store no Rio de Janeiro, é bem provável que essa maneira de vender seja estabelecida no Brasil.

Os preços dos aparelhos também não foram divulgados. Rumores apontam para valores bastante salgados. O iPhone 6 com 16 GB de armazenamento custaria em torno de R$ 3.199. Já o modelo maior, o 6 Plus, deverá ser encontrado a partir de R$ 3.599 para a versão com menos espaço de armazenamento. Os preços, variando a capacidade de armazenamento, poderão chegar a impressionantes R$ 4.399.  

As operadoras brasileiras começam a se preparar para o lançamento dos novos smartphones. A TIM já anunciou em seu perfil na rede social Twitter sobre a proximidade de lançamento dos iPhones.

Confira as características técnicas dos aparelhos:  

– iPhone 6:

  • Chipset: Apple A8;
  • Processador: 1.4 GHz Dual Core;
  • Memória RAM: 1 GB;
  • Armazenamento Interno de até: 128 GB;
  • Tela: 4.7 polegadas;
  • Resolução: 750 x 1334 pixel;
  • Densidade de pixels: 326 ppi;
  • Câmera traseira: 8 MP;
  • Suporte a 4G.

– iPhone 6 Plus:

  • Chipset: Apple A8;
  • Processador: 1.4 GHz Dual Core;
  • Memória RAM: 1 GB;
  • Armazenamento Interno de até: 128 GB;
  • Tela: 5.5 polegadas;
  • Resolução: 1080 x 1920 pixel;
  • Densidade de pixels: 401 ppi;
  • Câmera traseira: 8 MP;
  • Suporte a 4G.

Por William Nascimento

iPhone 6

iPhone 6 Plus

Fotos: Divulgação


O mercado tecnológico coloca a disposição de seus consumidores os mais diversos tipos de produtos. Tudo isso é resultado da grande demanda em busca de aparelhos de última geração. Além disso, podemos destacar as mais variadas marcas que atuam neste mercado, que ampliam ainda mais a variedade de produtos. No Brasil, por exemplo, muitas marcas conhecidas em todo o mundo atuam no nosso mercado.

Um grande exemplo de sucesso em vendas no mercado brasileiro são ossmartphones, esses são aparelhos eletroportáteis muito procurado entre pessoas de diversas idades. Muitas pessoas vão à busca deste aparelho devido à sua praticidade e as diversas funcionalidades que o mesmo possui. Através de um bom smartphone é possível tirar excelentes fotos, acessar a internet, se divertir através de jogos de última geração e realizar ligações.

Para quem busca um novo smartphone ou até mesmo vai comprar o seu primeiro, uma sugestão muito boa é o Sony Xperia Z Ultra. Esse é um dos mais recentes aparelhos lançados pela Sony, marca conhecida mundialmente. Na continuação deste artigo você irá encontrar todas as informações referentes ao smartphone, bem como as suas características, preços, configurações, entre outros detalhes.

Um dos destaques do Xperia Z Ultra é o seu design. Com pouca espessura, ele ainda é a prova d’água e poeira. Além disso, o aparelho possui um corpo especial com traseira em vidro preto, que deixa o aparelho bastante sofisticado. O smartphone ainda possui bons recursos como o de TV Digital e tecnologia 4G LTE.

Em relação às configurações e características, o aparelho possui tela de 6,4 polegadas com resolução Full HD, utiliza o sistema Android 4.2.2, possui um processador quad-core de 2,2 GHz, conta com memória RAM de 2 GB e possui armazenamento interno de 16GB (que pode ser expandido com auxílio de um cartão microSD).

Para quem está interessado em adquirir o aparelho, saiba que ele já se encontra disponível no mercado e custa aproximadamente R$ 2.599,00.

Celular.





CONTINUE NAVEGANDO: